segunda-feira, 5 de maio de 2008

Pensamentos










" A cada dia que vivo, mais me convenço de que o
desperdício da vida está no amor que não damos,
nas forças que não usamos,na prudência egoísta
que nada arrisca e que, esquivando-nos do
sofrimento, perdemos também a felicidade.A dor é
inevitável. O sofrimento é opcional."
"Carlos Drummond de Andrade

47 comentários:

Rocket disse...

de novo o mote viver.

isto lembra-me uma frase:
não te arrependas do que fizeste mas arrepende-te, sem reservas, do que NÃO fizeste...

na verdade, se não existisse audácia, não existia o mundo como o conhecemos...

Gi disse...

Nada a acrescentar.

Blue Angel disse...

Nem sempre é assim tão opcional, mas faz parte.

Boa semana

Nivea

migvic disse...

Estes poetas, deviam em pequenos ser aqueles putos ranhosos que levavam sempre porrada dos outros.

Lola disse...

Loira mais linda,

Não posso estar mais de acordo, eu que só tenho saudades do futuro...

Beijos grandes

Ana disse...

Já conhecia... São palavras certíssimas!!

Miguel disse...

frase perfeita mesmo...

Ka disse...

Assino por baixo!

Beijinhos

Safira disse...

A este respeito recomendo o livro 'a inutilidade do sofrimento' de Maria Jesus Alada Reys'.
Contudo, não acredito que tenhamos controlo absoluto sobre o interruptor da dor. Não sofrer, em algum momento do percurso, é impossível.

Vício disse...

eu acho que não se trata de amor mas sim de sexo!
os politicos f... lixam toda a gente e não sentem desperdício na vida!

Olá!! disse...

Se nos foi dada a capacidade de optar, cabe à consciência de cada um fazê-lo da forma que melhor se adapta ao seu modo de vida e de amar quem o rodeia...
***

Gata Verde disse...

O sofrimento nem sempre é opcional,mas há formas de o evitar.

beijos

fi disse...

NAMORAR é das melhores coisas que podemos fazer na vida!
Namora e muito!
:)

PsYcHo_MiNd disse...

Por isso é que quando se arrisca de mais se fica com dor e sofrimento, quando se podia ficar apenas pela incerteza!

Belzebu disse...

E é exactamente esse egoísmo que raramente reconhecemos, que nos torna seres tão vazios e tão sós!

Aquele abraço infernal!

jasmimdomeuquintal disse...

Carlos Drummond de Andrade, pois claro!!!

Olhos de Mel disse...

Oie minha amiga! Desculpe a demora em retornar, mas estive ausente da net, por um longo período.
Amei cada palavra sua e concordo plenamente.
Beijos

Professor Doutor "Atever" disse...

Quem não arrisca, não petisca!
Beijo.

pensamentosametro disse...

O desperdício da vida está exactamente em não a viver com os tudos que isso acarreta.

Bjos

Tita

Sol disse...

Bonito!
O Amor faz milagres.

Fica bem.

Ondinhas disse...

o maior de todos os riscos é não arriscar...por isso há-que arriscar viver, amar, partilhar e sobretudo arriscar a ser feliz...

beijokas

Enfim... disse...

são opções de vida

tambem mas faz confusão mas a propria vida ensina nos a ser assim

beijinhos

Capitão Merda disse...

"No caminho havia uma pedra"...

Diz-te alguma coisa?

Fica bem

Xisko the kid disse...

naquilo que não fazemos...

Marisa disse...

"O sofrimento é opcional"! É sim senhora! Aqui está uma frase para reflectir.

Kunta disse...

O amor é...lindoooooo!

Mil lambidelas

Alien8 disse...

Olá, MJF!

Será mesmo opcional? O Drummond que me desculpe, mas... "esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade." Foi ele que escreveu, não eu... escreveu mesmo "sofrimento", e não dor. Percebo a ideia, mas não serão antes duas faces da mesma moeda?

Quanto ao resto, é isso. Arriscar é preciso. "Navegar é preciso /viver não é preciso". Pois. Cá temos o sofrimento... de navegar à custa da própria vida, se necessário. De Pompeu a Caetano Veloso, passando por Pessoa.

Ou, para não ser tudo tão sofrido,
"Esta vida de marinheiro
Está a dar cabo de mim!" (Sitiados).
Um beijo.

Marco Ferreira disse...

Concordo plenamente.

marinheiroaguadoce a navegar

carvoeirita disse...

eu não acho que o sofrimento seja opcional, mas é necessário, para amadurecermos, evoluir, crescer...mas também faz de nós seres mais medrosos, cautelosos..com trancas na porta como eu.
O ideal está em alcançar o equilibrio.
Mas o caminho para o alcançar está sempre em obras..minado de obstáculos.

muitos beijinhos

Viajante disse...

Belo pensamento, que tem muito de verdade...

Eu percebo a distinção que o Carlos Drummond quis fazer entre dor e sofrimento.

Bjs e obrigado por este bocadinho de inteligência.

Rute disse...

Por vezes é opcional outras não acho que seja, mas é verdade que desperdiçamos muito com aquilo que não damos

beijinhos

marco disse...

vamos amar nos uns aos outros, como alguem dizia!

eu nao quero amar o castelo branco...fonixx!"

Casemiro dos Plásticos disse...

É verdade, apesar das diferenças temos de amar tudo e todos:)
beijo e bom fds.

macaw disse...

o homem tem toda a razao!
e para que isso aconteca so temos de manter a mente aberta, estarmos disponiveis para a vida! nao nos fecharmos em nos proprios com medo disto e daquilo... mas por vezes exige muita ginastica mental para eliminar certos pensamentos negativos... e e nos momentos de maior dor que esquecemos tudo e deixamos o sofrimento dominar...

bjinhos ;)

Cristina disse...

ola amiga!

deixei-lhe um desafio no CC :)

beijinho

Cristina disse...

ola amiga!

deixei-lhe um desafio no CC :)

beijinho

Tita disse...

Será opcional? Olha que não sei!

Bom fim-de-semana :)

Afrodite disse...

também acho que nem sempre é assim tão opcional; depende do contexto, não achas?

Sabendo sofrer, sofre-se menos.
(Anatole France)

elvira carvalho disse...

Só passei para deixar um abraço e desejar bom fim de semana.

Chat Gris disse...

:)
(e a fotografia é linda...)
Bom fim de semana.

Helena disse...

Não podia deixar de concordar....


Concordo e concordo...


Beijinho e bom fim de semana

BlueVelvet disse...

Por isso é que prefiro arrepender-me do que fiz e não do que não fiz.
Bom fim-de-semana, e
Dias felizes

Sunshine disse...

Venho da carvoeirita para aqui. Vocês apresentam posicões diferentes.
Eu prefiro sofrer a nunca mais ser feliz! Agora a vida fez-me temer o sofrimento.
Beijinhos

Å®t Øf £övë disse...

E quando deixamos de fazer todas essas coisas, acabamos mais tarde por nos arrependermos. Eu perfiro arrepender-me daquilo que fiz, do que daquilo que deixei de fazer.
Bjs.

Lisa's mau feitio disse...

Fantástico!
Vim cá deixar um beijinho e levo tanta sabedoria...

desculpa a ausência... Não tem dado mesmo...

Beijinhos fortes

Lisa

A Flôr disse...

Carlos Drummond de Andrade diz sempre coisas tão acertadas! :)

Tem um dia muito feliz e abençoado Amiga.

Flor

AllenGirll disse...

Nem sabes como adorei este teu pensamento... Já conhecia a parte final, mas assim é muito mais completo! Tem tudo a ver com a minha maneira de ser e com o meu modo de encarar a vida! :) Também tu tens um modo especial de ser que deves preservar! Espero que estejas feliz e sorridente!:) Beijinhos***