quinta-feira, 10 de abril de 2008

Reconhecer


No fundo há dois tipos de pessoas : as que nos tentam conhecer ( e que nos acham complicados ) e aquelas que, se dão, e nos tornam mais simples e mais compreensíveis. Até para nós.
São estas as pessoas que nos fazem sentir acompanhadas ( e mais simples...) quem nos ajuda a perceber que não estamos sós.
Reconhecermo-nos em alguém...desabafa-nos. Isto é, alivia a angustia de estarmos abafados nas dúvidas com que se constrói a nossa solidão...
E de cada vez que alguém se reconhece em nós...transforma-nos. Olha para além de nós ; olha por nós. Sem que com isso, sobreponha o seu olhar ao nosso.
Talvez , gostar seja, realmente reconhecer ! Reconhecer no sentido de quem se conhece duas vezes. Por fora, e por dentro. E será por isso que, quando olhamos para o nosso coração, nos doa sempre um bocadinho. Porque talvez sobrem as pessoas que olham para nós, e nos achem complicados...Com o tempo, parecem tornar-se quase nenhumas as pessoas que olham para nós...e nos conhecem.

85 comentários:

Gi disse...

Assi, não te reconheço ;)

mjf disse...

Olá Gi!
Nem eu...mas é assim que eu me sinto!!!!

Beijocas

Ka disse...

Muito giro este teu texto! E sem dúvida interessante pois é mesmo verdade que nos sentimos melhor quando nos reconhecemos nos outros. Quando isso não acontece sentimos por vezes solidão...

Beijinho reconhecido :)

Kijar disse...

See Please Here

Tatá disse...

Confesso que me sinto assim também.
Adorei seu texto.

Beijos

mjf disse...

Olá Ka!
Reconhecer..é gostar, e vice-versa...;=)

Beijocas

mjf disse...

Olá Tátá!

Amanhã é outro dia...e novas miragens virão...
Obrigada pela tua visita

Beijocas

Rafeiro Perfumado disse...

Não concordo lá muito contigo, MJF. Tentar conhecer não é necessariamente achar a outra pessoa complicada. Aliás dou mais valor a quem tenta mesmo saber como a pessoa é, aceitando o que descobre como parte da mesma. Sim, porque complicados somos todos.

Beijoca!

expressodalinha disse...

Reconhecer e aceitar! Os Amigos são indispensáveis para a nossa sobrevivência e a nossa saúde mental. Não é só desabafar. Isso até às vezes funciona melhor com um desconhecido. É saber que temos ali um porto seguro que não cobra direitos para atracar. O ano passado perdi um (e são tão raros) e todos os dias sinto a falta dele.Obrigado pelo texto.

mjf disse...

Olá rafeirito!
Pois eu não me fiz compreender, eu concordo contigo: "Tentar conhecer não é necessariamente achar a outra pessoa complicada".
Eu acho que as pessoas que não nos conhecem e nos acham complicados , sem se darem ao trabalho de nos conhecer...que acabam por nos desiludir...

Beijocas

mjf disse...

Olá expressodalinha!
Reconhecer...será como eu digo conhecer por dentro e por fora??
Aceitar? claro...e ajudar sempre.
Eu sou demasiado exigente com algumas pessoas...e por vezes vem a desilusão...

Beijocas

migvic disse...

O quê? Não percebi bem.

Podes explicar melhor?

Conhecer por dentro?

Endoscopias?

Troca Letras disse...

no fundou o que á é os amigos e os outros

Professor Doutor "Atever" disse...

E como é bom sabermos que não estamos sós… que alguém está disposto a compartilhar dos nossos medos, das nossas angustias… e, porque não, da nossa felicidade.
Um ombro para chorar quando o silêncio diz tudo.
Beijo.

Olá!! disse...

Todos diferentes, mas todos iguais...
Gostamos de nos rever nos outros e para quê complicar???
Quando gostamos é bom, quando é reciproco ainda melhor...
A propósito de gostar, deixei um mimo para ti lá no meu canto
Beijosssssssss

Enfim... disse...

é bom encontrar alguem que no minimo têm algum interesse em nos conhecer

o facto de não nos sentirmos sozinhos é mt bom

beijinhos

Rute disse...

Eu concordo contigo. São poucas as pessoas que nos conhecem realmente e gostam de nós mesmo com os defeitos.

Beijocas

Viajante disse...

Mjf,
será que percebo algum desânimo neste teu post?

É certo que todos nós somos complicados, uns mais do que outros, mas ficar com o rótulo assim às primeiras impressões, também não gosto. Conhecer dá trabalho! Hoje em dia as pessoas não estão muito para isso...

Acho genial a fotografia que escolheste e apetece-me dar-lhe esta legenda: Reconhecer é... quando dois seres diferentes se tornam iguais.

Beijo grande!

Sorrisos em Alta disse...

Desde que não se ponham tipo morsa à minha frente e não me esfreguem os bigodes no nariz, façam lá como quiserem...
;o)

Meg disse...

MJF, sem ter lido os comentários, digo-te o que penso. Para já as pessoas que dizemos que conhecemos, na verdade não sabemos nada delas. Conhecemos. Logo como só conhecemos, somos complicadas para elas e elas para nós.
Mas, felizmente, como dizia o grande Vinicius, os amigos não se conhecem, RECONHECEM-SE, e reconhecem-se nas virtudes e nos defeitos e quanto mais se reconhecem nessas diferentes facetas, mas perto estão, e as afinidades aumentam.

Um abraço

Lola disse...

Loira mais linda,

Reconheço-te, desde que te conheço.

Temos sempre coisas para falar, que muitas vezes adiamos, mas não faz mal.

Sabemos que estamos lá para ouvir sempre.

E nem sequer nos parecemos.

Bom Fim de Semana.

Beijinhos

mjf disse...

migvic olá!

Brincalhão...vá lá foste meigo...só te lembras-te da endoscopia...pior seria se fosse colonoscopia total!!!

Beijocas

mjf disse...

troca de letras olá! também há amigos que se tornam miragens, também os amigos nos decepcionam...

Beijocas

mjf disse...

atever!
Concordo inteiramente contigo...por vezes rodeados e gente...e sentimi-nos sós...falta aquele amigo...especial que nos oiça...sem reservas.

Beijocas

mjf disse...

Olá...Olá!(ihihih)

Gostar é bom..sem duvida...mas dificil por veze.
Jà fui buscar os prémios...obrigada, foste muito amiga e generosa...

Beijocas

mjf disse...

Olá enfim...
Tens razão a solidão é má companhia ( na maioria da vezs)
Mas por vezes aparecem-nos miragens que mais tarde reconhecemos como decepções...

Beijocas

mjf disse...

Olá Rute!
Como fico triste em ter de concordar...

Beijocas

aperitivus disse...

Nada melhor que um APERITIVU

para começa bem o fim de semana

convido a todos a visitar essa delicia de APERITIVUS


amanhã tem leilão no APERITIVUS
sua presença será de grande importância.

mjf disse...

Olá viajante...
Acertas-te...
Esta semana joga no euromilhões!!!

Beijocas

mjf disse...

Olá sorrisos em alta!

Eu adoro bigodes...e não me importo que mos esfreguem no nariz..ihihihh
Adoro os bigodes do meu gato...quando ele me dá beijinhos no nariz!!!

Beijocas

mjf disse...

Meg!
Inteiramente de acordo contigo e com Vinicius...e mai nada

Beijocas

mjf disse...

Ola mais linda!
Marota...nunca mais colocamos a fofoca em dia..
Não passa de Domingo...tu bem me conheces!!!

Beijocas
Saudades.. muitas

Miudaaa disse...

Sou miudaaa, eu sei que o sou... mas afirmo em voz alta que quem nos acha complicados é quem não tem disponibilidade interior para ouvir, escutar, C O N H E C E R.

Haja disponibilidade INTERIOR em cada um de nós.

GosTei muito de estar aqui. Muito.

Um beijo da miudaaa

Rocket disse...

Eu cá não quero parecer ...sei lá...mas a verdade é que para mim conhecer alguém é fácil. É tudo uma questão de botões vermelhos, amarelos e verdes, no painel de instrumentos da pessoa... Quando sabemos onde eles se encontream, conduz-se uma bela amizade...

Lisa's mau feitio disse...

Posso??

Bem sei... Já cá devia ter vindo. Deixas-me sempre um afecto e eu vou adiando... Adiando...

Em boa altura vim. Debato-me com uma situação pessoal francamente igual à que descreves. a luta que travo entre mim mesma e alguém que apenas me tenta conhecer.
Tem sido terrível. Mais parece um jogo em que, forçosamente, eu teria de perder a minha essência, a minha identidade. A fase da questão vai em avançado estado. Creio que a entrar no de decomposição. Já que neste momento não há a mínima vontade de nenhum dos envolvidos se dar.

Soube-me bem este teu texto. Levo-o no coração.

Mil afectos em ti, querida companheira de viagem nesta blogosfera sem fim.

Lisa

Vício disse...

e quando uma pessoa que se dá, não recebe nada em troca... um dia não está lá!

shiuuuu disse...

Obrigado pelos comentários lá no Shiuuuu...
... para quando algo mais?

mjf disse...

Olá miudaaa!
Gostei muito do teu sabio comentário :"Haja disponibilidade INTERIOR em cada um de nós".
Era bom se isto acontecesse com mais regularidade...

Grandes beijocas
Obrigada

mjf disse...

Rocket olà!
Talvez tenhas razão...para alguns será tudo uma espécie de máquinas...ou não???

Beijocas

pensamentosametro disse...

Conhcer, reconhecer, aceitar gostar apesar de tudo e sobretudo.

bjos

Tita

Carracinha Linda! disse...

Olá MJF,

Muito interessante este texto.

Acho que existem, como dizes, pessoas que nos acham complicados mas que mesmo assim se esforçam por nos conhecer. E existem as pessoas que simplesmente olham para nós, nos aceitam como somos e nos vão conhecendo aos poucos. Além destes 2 tipos eu acrescentaria um 3º: os que nos acham complicados e nem se dão ao trabalho de nos tentarem conhecer e entender melhor.

E também concordo: acho que cada vez menos são as pessoas que verdadeiramente nos conhecem. Mas se calhar, também nós não nos damos a conhecer totalmente...

Beijos e bom fim-de-semana!

O Profeta disse...

No fundo só há um tipo de pessoas...apenas pessoas...


Doce beijo

mjf disse...

Olá Lisa!
Eu gosto de te visitar...e faço-o sempre que o tempo mo permite...
Ainda bem que te identificas-te com este meu desabafo??ou desencanto??

Beijocas
Bom fim de semana

mjf disse...

Olá vicio!
Isso é um risco que correm os mais egoistas...

Beijocas
Bom fim de semana

mjf disse...

Olá Tita!
Seriam mais faceis e lindas as relações...não achas se tudo fosse como dizes...

Beijocas
Bom fim de semana

Querubina disse...

Ola obrigada pela visita :) gostei do teu cantinho.
Olha ha um livro muito bom que se chama "Reiki Essencial" de Diane Stein, la tem uma grande explicação sobre o Reiki.
O melhor reiki e o que e dado de borla, são pessoas serias. Porque isso e algo que deveria estar acessivel a todas as pessoas. Em Lisboa não conheço nada, se fosse no Porto havia um sitio que te aconselhava.
Se necessitares de mais alguma informação dispoe querubina1@gmail.com.

Beijufas de Luz!!

Belzebu disse...

As pessoas acham que têm cada vez menos tempo para conhecer os outros e para se darem a conhecer e por vezes chegam ao extremo de não se conhecerem a si próprias.

Aquele abraço infernal!

PsYcHo_MiNd disse...

O problema é quando nos damos de mais a alguém, muitas pessoas simplesmente não tem o 'tempo' suficiente para tentar conhecer alguém, partem logo do principio de fazer juízos sem conhecerem, por isso torna-se mais fácil não mostrar logo tudo e ir descobrindo, se não houver tempo, paciência!

mik@ disse...

olá mjf :)
acho que complicados todos nós somos em alguns momentos, mas faz parte :) mas é sempre agradavel quando nos revemos em alguem, nos identificamos com essa pessoa :)
damo-nos a conhecer e permitimos que nos conheça um pouco melhor.

bom fim de semana,
beijinhos :)

cosmic girl disse...

todos nós temos uma grande dose de complicação incluída:) e convém desligar o complicómetro de vez em quando. lol mas isso é parte do interesse de conhecer amigos ou apenas trocar ideias com alguém.
e a opinião de quem julga os outros com pre-conceito não interessa ao menino Jesus.;)
bom fim de semana!!!!

Sol disse...

� t�o bom quando algu�m nos "conhece", n�o �?! S�o poucas, mas h�!

Bom fim-de-semana!!

Paula disse...

Realmente, parecem cada vez menos mas, também te digo uma coisa: desde que não nos deixemos levar e abater por aquelas que o tentam fazer, ao tentarem impôr-se a nós, estamos sempre bem conosco mesmos e isso, é o principal!
:)
Bjs!

Capitão Merda disse...

O ideal é não pensar muito nisso!

;)

Bom fim de semana

Beijocas

Xisko the kid disse...

portanto, o que falta é coragem para sermos nós próprios ?
é pena.

carvoeirita disse...

vir aqui e ler-te descomplica-me sabias?
Ajudas-me tanta vez sem me conheceres, dás-me animo...saber que longe (nem se, sei bem onde) existe alguem que nunca me viu e me lê a alma como ninguem.
Eu sou muito complicada, e complico-me de cada vez que tento modificar o sistema, de cada vez que me tento corrigir...espero que as pessoas saibam o que sinto sem ter que lhes dizer...diziam-me que não era possível.
Desde que te conheci sei que é possivel. E fazes isso na perfeição.
Obrigado mjf...e um beijinho

Professorinha disse...

É bem verdade o que dizes... Há pessoas que nos marcam..

Beijos

Maria Manuela disse...

Beijo nessa bochecha e bom fds...tá a arribar !!!

FM disse...

Muito, muito interessante a forma como apresentaste o "sumo"... neste texto. Parabéns!
Beijos com Essências de Luz.

Dualidades disse...

Quem gosta de nós, quer conhecer-nos! Quem nos quer conhecer, talvez goste de nós!

Bom fds.

Dualidades JP

ternura disse...

Eu peço imensas desculpas por só agora retribuir a visita feita ao meu espaço.
Não o pude fazer primeiro.
Desde já lhe agradeço e lhe digo que é muito bem Vinda.
Beijinho.

ternura disse...

É bom sentir que nos compreendem, que nos ouvem, e que nos ajudam quando mais precisamos.
São esses sentires, aqueles que eu considero dos mais imprescindíveis para conseguirmos ser felizes.
É pena, que às vezes também são esses os que têm a maior facilidade de nos decepcionar.
Mas a vida é assim mesmo.
Beijinho e voltarei de novo para a ler.
Vou linká-la.

Manuela disse...

Olá! :)
Nunca tinha pensado nisto assim... desta maneira, mas está muita bem!
tens razão o que falta é reconhcermo-nos, isto é quem nos vê se identifique sem se sobrepor, e não nos achando complicadas nós tormamo-nos mais simples... porque uma coisa leva á outra.

Nos dias de hoje há muito pouco quem veja com olhos de ver.

Gostei muito de te ler.

beijinhos e bom fim de semana.

Parvinha da Silva disse...

"Com o tempo, parecem tornar-se quase nenhumas as pessoas que olham para nós...e nos conhecem"

Fiquei a pensar em como tens razão.
Infelizmente. No início, dizia que a culpa era, de qualquer forma, minha. Hoje fico indiferente (o que também não é bom)

jocas

ganesha disse...

Acho que está tudo dito, beijoquitas e um excelente domingo

Kunta disse...

Olá MJF

A tarefa de tentarmos conhecer alguém no contexto da sociedade moderna tornou-se numa tarefa árdua e por vezes ingrata. E porquê? Porque as sociedades modernas dotaram as pessoas de uma cápsula impenetrável e uniformizada, desumanizando-as. Eu sou daqueles que continuam a sofrer com este reflexo da modernidade, pois sou pelo humanismo e pelas pessoas. Adoro as pessoas! Conhecê-las, falar e estar com elas. Mesmo que "complicadas" pois isso significa que continuam a ser humanas.

Um grande beijinho e uma excelente semana

Sunshine disse...

Concordo contigo " Com o tempo, parecem tornar-se quase nenhumas as pessoas que olham para nós...e nos conhecem".
Há um tipo de pessoas, raro, que quando encontramos parece que as conhecemos durante toda a vida. E isto é uma sorte, porque quase nunca acontece, pelo menos comigo.
Beijinhos

Ana disse...

A verdade é que somos cada vez mais individualistas... Mas acredito que ainda é possivel conhecem alguem profundamente!

Multifuncional disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Impressora e Multifuncional, I hope you enjoy. The address is http://impressora-multifuncional.blogspot.com. A hug.

http://comecardenovo2008.blogspot.com/ disse...

lá no fundo há sempre alguams que nos conhecem mesmo e essas sãoa sque mais importam.
Sabes o que dizia um amigo meu, já não se encontra por aqui: Para pouca saude mais vale saude nenhuma e ele que dizia isto sempre aplicado a qualquer situação menos à doença...

e sim estou bem, dentro da conjuntura.Obrigad apor perguntares
um bj

Andreia do Flautim disse...

Há poucas pessoas que realmente nos conhecem!

Helena disse...

Acho que é tão bom quando alguém nos que conhecer na verdade no puro sentido da plavra conhecer...

Quando alguém nos conhce por vezes não é preciso falar para saberem o que estamos a sentir a pensar...
gosto que me conheçam...


Beijinho :)

Mimo Azul disse...

Olá!
É bem verdade que as pessoas que realmente nos conhecem são poucas... e por vezes até aquelas que nós achavamos que nos conheciam um pouquinho se mostram totalmente ignorantes! Tem de haver disposição e querer estar com a pessoa para a conhecer e também temos de nos dar, de falar de mostrar para que "alguém" consiga saber realmente o que somos! Mas se por vezes nem nós sabemos... é complicado isto!

Bjca xL

SílviA disse...

Eu chamo a isso adivinhar e quando alguem me adivinha sinto-me verdadeiramente protegida.

Beijinhos

Meg disse...

Como tenho estado ausente, vim deixar-te um abraço e desejar-te boa semana.

Um abraço

Olá!! disse...

Então o dia correu bem????
Reconheço que o meu foi BOM ;)))
Beijos e resto de uma semana feliz

Alien8 disse...

MJF,

Estou muito inclinado a concordar quase totalmente consigo. Com o tempo, talvez até o quase desapareça... :)

Um beijo.

Marco Ferreira disse...

Gostei desta tua forma de explicar os "amigos" e os "conhecidos".

marinheiroaguadoce a navegar

Anita :) disse...

gostei do texto:)) muito...mas, olha...é bom deixarmo-nos conhecer pouco a pouco...mesmo as complicações...e, também é muito bom haver quem as queira conhecer:)))

beijinho grande para TI e continuação de uma excelente semaninha:)***

guardanapo branco disse...

querer conhecer alguém é aceitar o risco, raramente de profunda decepção. quando nos decepcionamos é porque ficámos algures entre conhecer e querer conhecer.

eu acho que não se gosta das pessoas que nos conhecem e que conhecemos... acho que gostar é algo mais espontanêo, gostamos é da sensação de sermos conhecidos e reconhecidos pelo outro.
.
gostei de ler*

Rei dos Cromos disse...

visitem e ajudem o blog: http://cromosdofcp.blogspot.com/

Queruby (querubina) disse...

Ola, sempre compraste o livro?
SE precisares de mais alguma coisa dispoe. Se entretanto souber algum sitio de confiança em Lisboa aviso.

Beijufas de Luz!!

Blue Angel disse...

Muitas vezes, o simples acto de colocar para fora as nossas preocupações, ajuda-nos a ver que não são assim TÃO complicadas! O Pedro faz isso comigo e resulta (quando ele me consegue pôr a falar, claro. Eu sinto-me melhor e realmente, duas cabeças pensam melhor que uma só!

Um bom fim-de-semana

Nivea

White_Fox disse...

Gostei mt deste texto. Parabéns!
Eu acho que por as pessoas andarem sempre a correr de um lado para o outro deixam de por (re)conhecer as outras.
Mas quando encontramos alguém que nos quer conhecer realmente ou que nos ajuda quando precisamos de desabafar é fantástico. Às vezes basta esperar...

Alquimia disse...

Neste mundo, são poucas as pessoas com as quais criamos uma empatia tal que nem precisamos de falar para nos sentirmos "reconhecidos".

Su disse...

não tenhas duvidas, todos somos complicados e complexos...mas aqui falamos de amizade.....o se reconhecer, a empatia, o gostar e ser gostado, enfim......


jocas maradas