segunda-feira, 31 de agosto de 2009

PULGA atrás da orelha!!!!!


Significado: estar/ficar/andar desconfiado ou preocupado ; ter suspeitas de algo ou de alguém.
Origem: Durante milhares de anos, o ser humano foi vítima desse maldito bicho chamado pulga. Não havia nenhum insecticida ou veneno realmente eficaz para combater esta praga, que se alojava em todos os cantos das casas, hospitais, escolas, jardins, ruas, salas de diversões, tribunais, e muitos outros espaços.
Até meados do século XX, a pulga era, sem dúvida, um problema muito grave: verdadeiras colónias do tamanho de Nova Iorque viviam nos colchões, nas almofadas, nos cabelos, nos armários... Agora imaginem o desconforto de alguém, que acorda a meio da noite com uma dor horrível no ouvido. Pois, é isso mesmo: uma pulga entrou pela orelha dentro, e ei-la, feliz e quentinha, a sugar o nosso sangue!
Actualmente, esta expressão significa que suspeitamos de algo ou alguém. Sentimo-nos desconfortáveis, há qualquer coisa que nos incomoda… Será uma pulga?
:=)))

31 comentários:

Andr3 disse...

Bem...que definição tão má, essa de viver rodeado de pulgas. Não foi bom de imaginar. Mas sim..o antigamente era assim..antes de haver boas maneiras da higiene intima e social. Ainda bem que são tempos que ja lá vão..muuuito atrás!

Hoje em dia ja se descobrem beneficios nesses bichos maus e incomodativos (principalmente na comunidade canina-eheh) como foi noticiado no Expresso, que algures pelo brasil, investigadores descobriram uma proteína presente na saliva da carraça, que destrói células cancerosas nos humanos! Verdade verdadinha! ;)

Até depois

pepita chocolate disse...

è tão mau estra de pulga atrás da orelha, nos dois sentidos d questão: o figurado e o real. O rela porque se calhar o cão anda a precisar de ser desparasitado e no figurado, porque julgamos que alguém nos anda a tentar tramar.

O ideal é que não haja pulga de natureza nenhuma, a perturbar-nos o sossego: o físico e o mental.

Beijoca e Boa semana!

Miepeee disse...

Eu devo estar cheia de pulgas ...grrrr
Beijinhos e boa semana.

Anjo De Cor disse...

Eu uso imensas vezes esta expressão....
Bjs e boa semana ;)

Maria disse...

E as pragas de piolhos na escola primária?
E porque será que já me estou a coçar?
:))))

Observador disse...

Pulga não é certamente e a otite não é assim...

Mr. Me disse...

Para além de me fazer rir, de me fazer pensar, também me consegues ensinar o verdadeiro significado d'uma pulga atrás da orelha.

Espectáculo, mjf! :)

Beijo, boa semana!

Rafeiro Perfumado disse...

Assim de repente lembro-me de uma data de sítios piores onde a pulga poderia alojar-se... ;)

Beijocas!

Si disse...

Esta é, sem dúvida, uma expressão e um sentimento muito comum no meu dia a dia.
E o que é estranho é que não lido nem com cães nem com gatos, porque será?? ;D

vício disse...

nem imaginas o pulguedo que eu costumo trazer comigo...

Zabour disse...

Às vezes a desconfiança é tanta k deveria ser "Carraça atrás da orelha".
Ok, esta foi seca, não foi?
Sorry ;O)

Beijokas

messy disse...

as coisas que eu aprendo contigo (:

marco disse...

kitoso, resolve!

Chocolate disse...

Acho que hoje em dia andamos todos com a pulga atrás da orelha... o Mundo mudou-nos e tornou-nos desconfiados... não será assim?

Mikas disse...

Melhor a pulga atrás da orelha do que febre da carraça ;-)

Bloguótico disse...

Até já me estou a coçar todo! lool

Carla disse...

Ui e às vezes ela morde de uma maneira lolol

Galo (ex Fred Eat Cock, porque me apeteceu mudar) disse...

Com a pulga na cueca deve ser pior ;D

Gata Verde disse...

Não me fales em pulgas!! Já me estou a coçar!!
;)

Shakti disse...

Aqui está uma expressão que cá por estas bandas se usa imenso !!

bj

paulofski disse...

Que eu saiba não amestro nenhum circo de pulgas mas às vezes parece que sim!

Rodopia... disse...

Não conhecia a origem da expressão... engraçado!! ;)

Silly disse...

uma pulgona! -.-

Olhos Dourados disse...

Bolas, só de ler este post, fiquei cheia de comichão!

Minhoca disse...

Pulga não sei se será, mas que alguma coisa é lá isso é :)

Ana M. disse...

pulga e das grandes, o que se passa?

premio no meu estaminé

beijinho e ve lá se apanhas essa pulga

O QUATORZE disse...

Olá.
Muitas vezes coloco um pé atraz para não começar a coçar a orelha, ah, ah, ah.
Em muitos casos reflicto muitas vezes sobre algo.
Bjs de amizade
LUIS 14

O QUATORZE disse...

Olá.
Muitas vezes coloco um pé atraz para não começar a coçar a orelha, ah, ah, ah.
Em muitos casos reflicto muitas vezes sobre algo.
Bjs de amizade
LUIS 14

Fatima disse...

Tanta vez que sinto esse bichinho atrás da orelha.......

Kok disse...

E os elefantes?
Como será que eles coçam as orelhas de modo a verem-se livres da pulga?
Será que as pulgas dos elefantes são do tamanho standard? Ou...?

Beijokassss

M.A. disse...

Não creio que dentro do ouvido a pulga conseguisse sobreviver.A cera que lá existe por certo que lhe servia logo de armadilha. Por associação, lembrei-me de ter visto num dos palácios russos, dentro de uma vitrine, uma bolsinha bordada para a qual nos chamaram a atenção e, depois, explicaram para que servia. Eram besuntadas no interior com mel e depois usadas sob as saias das damas, justamente para atrair e aprisionar as pulgas. Aqui fica um aditamento a este post.